Mensagens

A mostrar mensagens de Novembro, 2007

Eu acredito em ti!

Eu acredito em ti!
Porque vejo nas tuas palavras o que não via nas palavras dos "outros", és tão sincero, és tão honesto, és tão sensível, és tão TU!
Vejo em ti, o que não encontrei em ninguém, a tua sensibilidade, a tua ingenuidade dá-me tanta confiança, transmites-me tanta paz... E por isso eu acredito em ti!
És como uma caixinha de cristal, tão intensamente belo, e tenho tanto medo de te deixar cair, e tal como acontece com a caixinha, tenho medo que te partas em mil pedaços...

Gosto tanto de ti!

Hoje é o dia!

Um dia faço de ti a pessoa mais feliz do mundo! Hoje é o dia!

Gosto tanto de ti

Para o Miguel!

Quando falei contigo tinha ainda presente uma pessoa que nos é comum, na primeira conversa estava ainda presente na minha mente a proximidade entre vocês e por isso me restringi a falar tanto de mim...
Mas devagarinho me foste mostrando, quem eras, foste verdadeiro comigo, e adorei isso em ti! Hoje adoro falar contigo, sinto-me muito bem quando falamos e gosto das coisas que me dizes, considero-te um verdadeiro amigo e espero puder contar sempre contigo... O facto de tirares as tuas conclusões sobre mim sem te importares com a opinião "dele" mostrou-me que és uma pessoa diferente, mostrou-me que consegui cativar-te pelo que sou e isso deixa-me muito feliz.
Quando precisares eu estarei aqui, quando quiseres abrir o teu coração cá estarei para te compreender e se for preciso, ralhar contigo, porque sou tua amiga!

Gosto de ti!

Será o destino?

Imagem
Nunca acreditei no Destino, sempre me convenci de que as coisas acontecem porque eu decidi que as coisas têm que acontecer assim... Sempre me convenci que as minhas decisões são tomadas por mim e não pelo Destino!
Mas agora que apareceste na minha vida me questiono... É que apareceste no momento em que mais precisava de ti, se imaginasses o quanto pedi a tua presença... Será que foi o Destino que te trouxe até mim?

Quero-te bem!

Se calhar...

Imagem
Se calhar és tu, quem eu tenho procurado este tempo todo...
Se calhar estavas mesmo ao meu lado, e nunca reparei em ti...
Se calhar andava de olhos fechados e só vi aquilo que não era importante...
Tenho tanto medo de te magoar! Tenho tanto medo de não agir correctamente contigo! Tremo só de pensar que possas sofrer por minha causa, acho que não aguentaria!

És como o Seth, não te posso ver, mas sei que estás comigo!
Vejo muita luz em ti!

Consegues?

Imagem
Consegues ver a minha alma através do meu olhar?
Consegues sem nada dizer, saber o que estou a sentir?
Consegues interpretar os meus gestos?
Consegues fazer-me feliz?
Consegues?!
Se conseguires... És tu, quem eu ando à procura!

Mata-me!

Imagem
Mata-me de uma vez!
Mata-me, para que as tuas palavras, não me torturem tão lentamente!
Destrói-me depressa, porque assim consegues diminuir um bocadinho a minha dor!
Corta-me, rasga-me, pisa-me... Dessa forma, consegues o que sempre quiseste, acabar com o meu ser!
Mas fâ-lo já, porque estou no limite, já não aguento com todo o mal que me fazes!
Acaba comigo mas não tenhas pena de mim, porque a tua piedade, só me faz sentir mais pequena.
Arranca-me o coração, já que sem ele não puderei sentir mais nada!

Monstro!

És um Monstro!
Hoje consegui finalmente ver quem eras... Hoje mostraste-te para mim e consegui compreender quem realmente és!
Um ser despresível, alguém que me iludiu, mentiu, usou, e deixou...
Como fui estúpida... Agora tudo, tudo faz sentido, agora é que consigo arrepender-me de todas as coisas que te disse... Como tiveste coragem? Como?
És tudo aquilo que eu odeio numa pessoa, como me pude apaixonar por ti? Como tive coragem de derramar uma lágrima que fosse?!
És tão incrivelmente nojento, tão repugnate, tão falso!
A tua falsidade é tão... Nem a consigo descrever... é demasiado má, para que eu o possa fazer!
Dava tudo, para parar de pensar em ti, mas dói, dói pensar, dói não pensar...
Como tiveste coragem? Como conseguiste magoar-me tão intensamente depois de tudo...
Mostrei-te quem era, dei-te tudo de mim, o meu melhor... Lutei por "nós"...
És a pior pessoa que eu conheço... mas estás feliz!

Quero-te longe do meu ser...
Fizeste-me tanto mal... Fazes-me tanto mal!
Se fosse falsa co…

Estranho...

Imagem
É estranho como às vezes uma simples palavra pode soar tão bem!
É estranho que uma palavra dita por alguém que não conhecemos nos possa tocar tão profundamente no coração!
Obrigado!

Fraca!

Imagem
Ontem fui fraca!
Estive contigo... Eu queria estar, para te mostrar que a tua presença não significa nada para mim!
Tinha prometido para mim mesma que nunca mais beijaria os teus lábios, tinha jurado que as tuas mãos jamais tocariam o meu corpo... Mas fui fraca! Caí!
Pior!!! Fizeste-me sentir uma vulgar "colega"... Fizeste-me ter nojo de mim! Fizeste-me pensar que não tenho valor... Odeio-te tanto!
Ainda tiveste coragem de me dizer "já disseste que não voltarias a estar comigo e voltas sempre"! Ai, como te desprezo!
Que fraca!!

Confusão!

Imagem
Às vezes não entendo umas coisas, dizem que não me querem e depois não podem viver sem mim...
Dizem que não gostam de mim... Mas sentem saudades minhas...
Seguem as suas vidas sem mim... Mas não me deixam seguir a minha sozinha!
Às vezes até fico baralhada!
Se calhar seria melhor gritar "DEIXEM-ME EM PAZ"... Mas já gritei! Não devem ter ouvido!!
Fazem-me tanto mal e regressam como se fossem os melhores amigos... Destroem-me, magoam-me e agem como se nada tivessem feito! Bestas!

Quem me dera puder encontrar alguém como Tu novamente!
A tua sinceridade faz-me tanta falta...
A maneira como os teus olhos olhavam o meu rosto...
A maneira como dizias as coisas que eu não queria ouvir, mas de uma forma tão sincera, que por muito que quisesse odiar-te, amava-te mais e mais!
Que saudades, Meu Amor!

Para ti, Paulo
Quem me dera puder olhar-te apenas mais uma vez!