Mensagens

A mostrar mensagens de Janeiro, 2008

Estrelinha

Imagem
Estava a caminhar sozinha pela estrada e olhei para o céu, vi uma Estrelinha lá, ela brilhava imenso, mas não se mexia... De repente, começou a caminhar, e não sei porquê mas tive uma enorme vontade de a seguir...

E porque não haveria eu de a seguir? Então caminhei atrás dela... e como brilhava, e aquecia-me o coração...
Não sei onde me vai levar, mas vou segui-la até ela decidir ir embora... nesse dia continuarei a caminhar sozinha pela estrada, mas pode ser que a Estrelinha goste da minha companhia e o seu brilho queira ficar para sempre comigo...

Vou dormir!

Vou vestir o pijama, vou abrir a cama, vou deitar-me, vou encostar a cabeça na almofada, vou encolher-me para aquecer depressa, vou fechar os olhos, não vou pensar, vou dormir!
Até amanhã!

Chuva - Mariza

As coisas vulgares que há na vida
Não deixam saudades
Só as lembranças que doem
Ou fazem sorrir

Há gente que fica na história
da história da gente
e outras de quem nem o nome
lembramos ouvir

São emoções que dão vida
à saudade que trago
Aquelas que tive contigo
e acabei por perder

Há dias que marcam a alma
e a vida da gente
e aquele em que tu me deixaste
não posso esquecer

A chuva molhava-me o rosto
Gelado e cansado
As ruas que a cidade tinha
Já eu percorrera

Ai... meu choro de moça perdida
gritava à cidade
que o fogo do amor sob chuva
há instantes morrera

A chuva ouviu e calou
meu segredo à cidade
E eis que ela bate no vidro
Trazendo a saudade